Fotos e Histórias

Arquivo

  • 2016 (1)
  • 2015 (4)
  • 2014 (8)
  • 2013 (12)
  • 2012 (22)
  • 2011 (35)
  • 2010 (10)
  • 2009 (1)

Crowdfunding

capa_PPL

Está neste momento a decorrer uma campanha de Crowdfunding criada por nós para podermos adquirir um mini-trator (http://ppl.com.pt/pt/prj/casal-hortelao).

Ao fim de quatro anos a contar apenas com uma moto-enxada para preparar o solo, que para além de ser fisicamente duro, nunca deixa o solo com as condições ideais para as plantações e transplantações que fazemos. Um mini-trator vai revolucionar o nosso calendário, uma vez que vai ser simples e rápido preparar as camas elevadas para onde vão as plantas assim que estejam prontas, sem perderem o seu ritmo de crescimento ideal.

Resolvemos assim recorrer ao financiamento directo pelo nossos familiares, amigos, clientes e seguidores, pedindo pequenas contribuições para atingirmos o objetivo de juntar o suficiente para o mini-trator e com isso dar um salto de gigante na nossa produção.

A todos os que nos puderem apoiar. MUITO OBRIGADO!!!!

Podem ver aqui o pequeno filme que fizemos para a campanha

regresso ao mercado

IMG_20130822_143035

No inicio de Agosto voltámos ao nosso lugar no mercado biológico de cascais. Foi um bom regresso, voltámos a rever clientes e colegas, e foi bom sentir que as pessoas ficaram contentes por voltarmos.

Os dias de mercado são os mais cansativos, implica apanhar tudo na vespéra, deixar tudo pronto, levantar cedo, carregar e descarregar duas vezes a carrinha, montar e desmontar a banca e toda a parafernália que nos acompanha, mas sem dúvida que é um dos momentos mais recompensadores da nossa actividade. Ficamos a saber mais sobre os nossos clientes, conhecemos pessoalmente quem consome os nossos produtos, e entre conversas acabamos sempre por partilhar histórias do dia-a-dia.

Não temos dúvidas nenhumas, que os clientes que nos apoiam desde o ínicio, também fazem parte da nossa história.

Pessoas…

Uma das vertentes que veio com a nossa entrada nesta área da agricultura, e em particular no modo de produção biológico, é a quantidade de pessoas que já conhecemos e com quem já contactámos, e que de outro modo nunca conheceríamos.

Somos novos na área, chegámos vindos de outros sectores de actividade sem conhecer ninguém, e com os conhecimentos próprios de quem se acabou de se estrear. No entanto descobrimos que há muita gente como nós, acabada de começar, ou com vontade de dar os primeiros passos, e muito mais gente ainda  apenas interessada no assunto da produção de alimentos.

Gostamos quando as pessoas se apresentam no mercado e perguntam – “vocês são o casal” – e ficamos com um sorriso de orelha a orelha e respondemos que sim que somos nós. Gostamos quando recebemos mails com dúvidas de produção e questões mais técnicas, que nos obrigam a investigar um pouco mais e a descobrir coisas novas para poder responder o mais correctamente possível. Gostamos quando nos enviam dicas, e noticias sobre agricultura. Gostamos de conhecer as pessoas, que como nós, se interessam por agricultura e produção de alimentos no geral.

Este post não tem imagem, pois não temos fotos de todas as pessoas que temos conhecido e que já vão sendo algumas.

Progressos

progressos

progressos-2

progressos-3

Aos poucos a limpeza do terreno vai avançando (destroçador, charrua a 30cm, escarificador, fresa – O Sr. João tem andado ocupado connosco!) e neste momento já conseguimos visualizar a nossa horta, as parcelas, até a estufa. O espaço parece-nos grande mas adequado, e se calhar de futuro até o vamos achar pequeno para tudo o que lá vamos querer plantar. Ainda não está pronto, mas já temos o resultado das análises ao solo e os correctivos que vamos ter de fazer. Apesar de só ter sido feita uma análises sumária (que inclui o pH, a textura, a matéria orgânica e os nutrientes) já temos algumas bases para nos guiar. De um modo geral não é um mau solo, tem bastante matéria orgânica, é de textura fina e ligeiramente alcalino. As correcções a fazer incluem a adição de composto orgânico e bem curtido, por isso nestes dias estamos a fazer contactos com fornecedores de factores de produção e de sementes para pormos o terreno a trabalhar o quanto antes.

Entretanto, quando pensávamos que já nos tínhamos livrado de todo o lixo, eis que o tractor desenterrou tubos de drenagem, mais fios e calhas e pedras e plásticos. Até cabos eléctricos. Nesta altura já nos estamos a mentalizar para passar os próximos anos a descobrir pequenos tesouros destes espalhados por todo o lado…

progressos_4

Obrigado…

2011041700066

No fim-de-semana que passou, realizou-se a primeira cropmob portuguesa, bem muito provavelmente não foi a primeira a realizar-se em portugal, mas foi sem dúvida a primeira convocada por nós e na nossa horta (na foto só estão quatro ajudantes, mas eram mais).

A limpeza do terreno continua a bom ritmo, mas o terreno ainda é grandito, e tem muito mato, plásticos, tubos, e pedras. O tempo também já não é muito e gostávamos de ainda conseguir experimentar semear algumas coisas este ano, por isso para acelerar esta parte, convocámos uns amigos para dois dias de trabalhos no campo.

O pessoal apareceu (atenção que haverá outras iniciativas deste género, e quem não participou vai ter mais oportunidades), deu no duro o fim-de-semana todo, foram incansáveis, e conseguimos todos limpar meio terreno, mais um pouco e até fazíamos o trabalho do tractor. Uma das partes do nosso objectivo está a ganhar forma, começar a envolver os que nos rodeiam nesta nossa aventura.

Muito obrigado a todos :)